Notas de Madrid, de estômago e de férias

Estou de volta e com coisas para dizer apesar de ainda em registo férias (vai-te enganando alminha, o que tu tens é tarefas pendentes para fazer enquanto o conceito de ‘férias’ ainda não é diferente).

– Gosto bastante de Madrid e neste registo light dude trip foi possível explorar mais dois ou três locais diferentes e porreiros. Segundo o senhor de um ilustre e recomendável local de tapas, o meu sotaque não parece de Portugal. Tenho de refinar o meu português das Maldivas.

– A maratona em si, foi tudo menos uma seca. Chuva torrencial a partir do meio, diversão garantida com os apoiantes que eram muitos e sem medo de gotas de água e menos dois ou três minutos ao recorde pessoal mas, ainda assim, abaixo do que creio conseguir fazer sem ter que fazer loucuras. Entre a situação emocional, o facto de estar um pouco abaixo do pico físico e tudo o mais, não houve stress. O único ponto a debater deixo lá para o fundo no parágrafo para fãs da correria.

– Grunhos e aviões – Por um lado, a minha faceta pacifista diz que todos têm direito a voar e a viajar. Por outro, o meu lado de Ninja Social diz-me que gente com comportamento grunho devia ser obrigada a viajar no porão. Sem custos acrescidos.

– Já vi o Capitão Falcão. Parte de mim gostou bastante da cena, parte de mim quis corrigir tudo o que faria diferente (incluindo reduzir o tempo do filme, o argumento está longe de valer perto de duas horas) e parte de mim acha que há gente assombrosa que consegue o feito olímpico de rir sem parar durante essas quase duas horas.

– Malas para a mãe, para o bebé, para o pai, listas para A, B, C e outras letras que não devem sequer constar do abecedário humano onde constam coisas das quais desconhecia a sua existência terrestre. Ainda não percebi se falta relativamente pouco tempo para vir aí uma criança ou se isto é um programa de treinos para Comandos.

– O Cardinal vai continuar a mexer. Temos é que ver como é que o programa de treinos se insere em tudo isto. E o André ‘Paisana’ Lapa, para além de continuar a ser o maior mestre de GIFs parentais (e não só) e malabarista de cenas pop sabe tão bem como eu que o espaço continua também a pertencer-lhe. Não há camisolas cardinalianas no topo do pavilhão.

– Fui jogar um jogo de basket para o Campeonato do Inatel 48 horas depois de ter corrido uma maratona. Levei perneiras de compressão que uso para correr e baile da minha equipa – no final a coisa até correu bem e no dia a seguir estava a sentir-me bem mais recuperado muscularmente. A cabeça já se sabe, não tem remédio.

 

 

Parágrafo de cenas pro de corrida

– O meu estômago é um pussy. Vou ter que avaliar a minha estratégia de nutrição e reforço em provas longas de estrada (em trails não me aconteceu isso até agora). Embora desta vez tenha mudado algumas coisas e até aos 30kms tudo tenha estado ok, para aí a partir dos 35 (em especial 38kms) o meu estômago torna-se hiper-sensível e até a água causa náuseas. Apesar de ter sempre sentido força nas pernas, aí o jogo mental passa a ser – abrando para controlar as náuseas ou mantenho a velocidade, vomito se for preciso e vejo se a coisa alivia.

Optei por reduzir e nesses 4-5 kms finais (boa parte em subida moderada) devo ter perdido para aí 7-8 minutos em relação ao que poderia fazer. Obriguei-me a cumprir com os géis que tinha, mas foi penoso, pois ingeri aí o mínimo de água, por causa das náuseas. A ver se o maravilhoso mundo da Internet me ilumina um pouco mais nesta matéria, nem que para isso tenha de reduzir no tempo de pesquisa de danças vietnamitas de salão.

Anúncios

Um pensamento sobre “Notas de Madrid, de estômago e de férias

  1. Evidentemente que o maior problema das provas de estrada em relação às de trail está nos abastecimentos: cadê as bifanas? e o pernil assado? e a sopa da pedra? É claro que uma pessoa fica agoniada a tomar geis. De qualquer forma vais tornar-te mais resistente de estômago com o contacto com as viroses que por aí vêm.

Tens a certeza disso que dizes?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s