A técnica da pancada no comando da TV

Eu sei porque é que um dia as máquinas se vão revoltar, fartar-se de acatar ordens de organismos imperfeitos e brutos e começar a pôr isto na linha. E não tem nada a ver com inteligência artificial, auto-consciencialização da existência ou outra qualquer conjuntura profetizada por Asimovs e K.Dicks da vida.

Tem a ver com a porrada que andamos a aviar há anos em comandos de televisão, botões, caixas multibanco, teclados de computador e toda aquela maquinaria que não respeitamos o suficiente (ou não nos custou o suficiente) para pensarmos duas vezes se “duas ou três pancadinhas” é mesmo solução que procuramos.

É quase científico, sempre que há uma falha num equipamento electrónico “menor” depois de uma ou outra tentativa, que passa normalmente por carregar com mais força, várias vezes ou uma combinação de ambos enquanto fazemos caras esquisitas. “Bate com ele na mão, costuma resultar”.

Não sei porque é que não experimentamos isto com aviões e sistemas mais evoluídos – Para quê chamar o reboque quando três pontapés no motor podem servir para resolver a coisa?

E, no meio disto tudo, não pensem que as máquinas não registam e, lá mais para a frente, não vai surgir uma que vai ter a brilhante ideia: Epá, a Humanidade não anda a funcionar muito bem, e que tal darmos-lhe duas ou três pancadinhas para ver se a coisa se resolve assim do nada.

Anúncios

2 pensamentos sobre “A técnica da pancada no comando da TV

  1. Mak, eu já tive uma televisão que passou uma fase de engasgos frequentes e umas pancadinhas nas costas resultavam bem. Um tempo depois curou-se e foi de bom humor que se curou, ali não se registaram bad feelings. (Com certeza não será difícil de imaginar onde são as costas de uma televisão pequena e das antigas, daquelas muito fundas.)

    O problema veio depois, com o ataque de riso que me deu por essa altura numa reunião, quando um colega se estava a engasgar nas palavras e eu pensei aplicar-lhe o mesmo método curativo que à televisão. Mas tive de sair da sala.

    • Sou totalmente a favor do universo alternativo em que lhe darias efectivamente essas pancadas e as pessoas à volta iriam dando conselhos sobre a melhor forma de o fazeres 🙂

Tens a certeza disso que dizes?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s