Dra-ma-ti-zar

Não te consumas, é só uma escolha. Deixa que os outros vivam em pilhas de gravatas, conjugando peças para reuniões formais, apresentações verbais e fazendo da armadura de bom corte, o espelho da sua personalidade. A tua vida não te obriga a isso, seja qual for o dia, mas hoje o dia não é teu.

Não desdenhes, é só uma escolha, mas é a tua escolha. Se perfume e magnetismo pessoal não chegam para te decorar (leva um pouco de modéstia no bolso), faz com que a tua escolha conte. É trivial, é pessoal, é algo que não fazes todos os dias, portanto faz tudo como se fosse normal e escolhe como já tivesses feito essa escolha vez após vez.

Três parágrafos a falar de ti na terceira pessoa? Nota-se que não é o mesmo de todos os dias. Deixa de procrastinar e vai lá escolher.

Laço ou gravata?

 

Não é drama, é falta de hábito.

Anúncios

Um pensamento sobre “Dra-ma-ti-zar

Tens a certeza disso que dizes?

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s